Venha compartilhar um pouco do trabalho que realizo como historiador e professor da cidade de Cotia. Mergulhe no passado das pessoas que construiram este lugar, recorde fatos marcantes que deram identidade cultural a esta cidade.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

CRIANÇADA, HOJE TEM ABRAÇO!


Tenho dois motivos que me levaram a escrever este texto com muita alegria: dia doze de Outubro é dia das crianças e aniversário do meu lindo filho Ícaro. Grande filho! Diferente dos outros textos que escrevi sobre este tema, exaltando este dia, pretendo propor uma reflexão sobre nossas crianças e o consumo ensandecido.(Em época de crise nem todo mundo está inserido no mercado de consumo, nem todo mundo pode presentear seus filhos.)Aos pais desempregados, digo que não se culpem por não poderem dar um presente para seus filhos. Pai que está desempregado, tenha uma boa conversa com seu filho. Um abraço também é um presente neste momento de dificuldade. Não se sinta desprestigiado por não poder presenteá-lo.

Apesar de presente ser importante, podemos passar outros valores neste dia de alegria. Não se esqueça de que o presente é apenas simbólico. Ele preenche o emocional momentaneamente... O importante é saber como está a vida da sua criançada. Como estão na escola. Com quem estão andando? Quem são os amigos? O abraço que eu já falei parece um gesto simples, mas demonstra
sentimento de proteção, como se você, pai, dissesse“filho, estou aqui para o que der e vier”.Como é bom ouvir isto de alguém!Como é bom um abraço!

Um presente, mesmo que seja simbólico, também marca se estiver envolvido de bons sentimentos. Com esta crise, muitos pais não vão poder presentear seus pimpolhos, alguns já adultos (risos). Presenteie-os dando atenção! Converse com a criançada porque este ano não será possível o esperado presente. Quando a gente conversa com nossos filhos, desenvolve uma imensa capacidade de falar e ouvir. Puta presente meu! Ouvir! Os filhos têm tanta coisa para falar...

Pra você, meu filho que faz aniversário no dia das crianças, este ano não vai ser possível um presente. Só para lembrar, temos uma história juntos. Lembro-me de quando o levava para a escola e trocava suas fraldas no meio das alunas de História. Um companheiro. Tenho dificuldade de ouvi-lo,pois os pais quase sempre acham que os filhos têm pouco a ensinar. Engano! Posso ter minhas dificuldades, mas coloco reparo como você tem cuidado da sua mãe e da sua irmã mais nova. Tomo reparo nos conselhos que você me dá, com inteligência e bom senso. O meu presente é um abraço e dizer que te amo e tenho muito orgulho de você.


É bom lembrar que criança, não importa a idade, tem muito ciúme. Um abraço para a Roseli, que vai ser mãe.Vou ser avô duas vezes este ano. Ana Paula, que pronuncia aquele pai estridente, que adoro, que me chama de pai desse jeito de criança grande. Um abraço para a Isadora e para a Maria Karolina, meus amores. E um abraço para a criança Gerlaine, que vai ser mãe logo, logo!Aquele abraço a todos!